Entrevistas

quarta-feira, 08 setembro 2010 12:00

“Tem de se pensar diferente”

Administrator
erick_rosa_p.jpg
“A media está tão fragmentada que é cada vez mais difícil chegar nas pessoas. Mas tem de se chegar nas pessoas. Para isso, tem de se pensar diferente”, diz Erick Rosa, da Leo Burnett Lisboa. “É muito importante o entretenimento. A pessoa tem de se sentir divertida, mesmo num canal tradicional tem de ser uma experiência minimamente diferente para a peça ter sucesso. Não pode haver apenas uma mensagem de vendas, tem de haver um prazer agregado”, acrescenta o homem que trouxe de Cannes uma mão-cheia de Leões.
sexta-feira, 17 setembro 2010 12:55

Somos líderes na classe A/B

Administrator
octavio_ribeiro_p.jpg
“Somos líderes na classe A/B, onde ultrapassamos os jornais ditos de referência nacionais. Só nos comparamos ao prime time televisivo. No Correio da Manhã, escrevemos para mais de um milhão de pessoas”, explica Octávio Ribeiro, o director do jornal mais vendido do país, acrescentando: “Ao sábado a minha concorrência é o Expresso. Nos outros dias de semana, está no Norte, no Jornal de Notícias. No resto do país estamos cada vez mais em contra-relógio, a competir connosco”.
terça-feira, 28 setembro 2010 14:12

As empresas são fundamentais para o nosso projecto

Administrator
duarte_lima.jpg
“As empresas são fundamentais para o sucesso do nosso projecto. Em casos extremos, quando temos crianças sem dador compatível, muitas empresas organizaram campanhas internas de colheitas de sangue. No ano passado, tivemos um caso em que só através deste método foi possível salvar a vida de uma menina”, explica Duarte Lima, advogado e ex-líder parlamentar do PSD, que após ter sobrevivido, aos 42 anos, a uma leucemia em estado avançado, fundou a Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL).
segunda-feira, 18 outubro 2010 12:02

“Na crise, o consumidor fica mais racional”

Redacção Briefing
luis_reis_p.jpg
“Num momento de contracção económica e do consumo, o consumidor torna-se mais racional e refugia-se em quem confia e lhe dá a melhor relação qualidade/preço”, afirma Luís Reis, 48 anos, médico com MBA, presidente da Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição (APED), chief corporate officer da Sonae e professor na Escola de Gestão do Porto.
quinta-feira, 28 outubro 2010 12:24

Criativos são como os cientistas

Administrator
manuel_pereira_p.jpg
É o homem de grandes marcas. Esteve ligado a nomes como as cervejas Sagres e Super Bock, as tintas Barbot, a Mundial Confiança, a Kidzania, a Optimus Home e a SIC. Criativo há quase três décadas, Manuel Pereira, 58 anos, diz que a criatividade é a única esperança do País.
segunda-feira, 22 novembro 2010 10:35

Vamos estar no top3 mundial

Administrator
pedro_cruz_gallo_p.jpg
“Portugal voltará a ser nesta campanha ou na próxima auto-suficiente em azeite”, diz Pedro Cruz, 44 anos, que quer pôr a marca Gallo no top 3 mundial e consolidar a liderança em Portugal, no Brasil, na Venezuela e em Angola e apostar em novos mercados.
quinta-feira, 25 novembro 2010 15:11

“Já não basta pegar no tradicional e clonar para o digital”

Administrator
hugo_faria_omg_digital.jpg
“3 Screens and a Cloud” foi o tema do último encontro “Omnitrends”, uma iniciativa do Omnicom Media Group Portugal, que consiste na organização de encontros internos, com extensão a clientes da empresa, e que procuram abordar tendências.
quinta-feira, 02 dezembro 2010 11:29

A lógica da net está a ocupar o território da televisão

Administrator
nuno_artur_silva_briefing_p.jpg
“A lógica da net está a ocupar o território da televisão. Na segunda metade do século XX havia a tradicional reunião familiar à volta do televisor, era como uma lareira que aquecia os espíritos. Mas essa organização estilhaçou-se, há mil ecrãs por todo o lado, vemos o que queremos, quando queremos” — afirma Nuno Artur Silva, seis meses depois de se ter lançado no audiovisual sem intermediários, com o canal Q.
quarta-feira, 15 dezembro 2010 10:50

Anunciantes devem arriscar mais

Administrator
susana_de_carvalho_briefing_p.jpg
“A linguagem da publicidade tem de mudar. Temos de voltar às grandes ideias, mesmo com pouco dinheiro”, afirma Susana de Carvalho, 48 anos, ceo da JWT e presidente da APAP, acrescentando: “Estamos numa fase de defesa e de pouco risco, o contrário do que deveria. Dizem os manuais que, quando se entra em crise, deve-se arriscar mais".
quinta-feira, 30 dezembro 2010 01:00

“50% da crise é feita pelos media”

Administrator
mario_mandacaru_briefing.jpg
“Há uma definição excelente: 30 por cento da crise é real, 50 por cento é feita pelos media e 20 por cento é um aproveitamento da situação. A crise existe, só que não é só deste ano. Este ano, existe uma mediatização excessiva que faz com que as pessoas desanimem. E esse é o grande problema: quando a crise começa a afectar a atitude das pessoas”, avisa Mário Mandacaru, brand design creative director da Brandia Central e presidente do Clube dos Criativos de Portugal, um brasileiro nascido há meio século em São Paulo, que vive e trabalha em Lisboa há 22 anos.
Pág. 83 de 84

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing