Out of Office

A cozinha italiana dá Libertà

“Unconventional Italian Kitchen”? É no Libertà, o primeiro espaço físico do coletivo de cozinhas Lisbon Street Kitchen (LSK), que escolheu fixar a morada em Lisboa. O chef Silvio Armanni quis um menu carregado de comida italiana “autêntica”.

sexta-feira, 08 abril 2022 11:11
A cozinha italiana dá Libertà

O LSK afirma que o foco do Libertà está na qualidade do produto e numa política de desperdício mínimo, uma das “pedras basilares” do grupo.

“Queríamos combinar o nosso amor pela hospitalidade e cultura para criar um projeto único e inovador, o Lisbon St. Kitchen. Tenho muita afinidade com Itália e a sua gastronomia, e por isso criamos um restaurante italiano com um menu focado na sazonalidade e originalidade, sem nos desviarmos dos pilares tradicionais da cozinha italiana”, afirma o fundador do LSK, Alykhan Popat.

A pasta fresca, feita pelo chef no restaurante, tem um “lugar de destaque” na carta do restaurante. Das pastas, o coletivo destaca o Casoncelli alla Bergamasca, um prato de conforto típico de Bérgamo – onde o chef nasceu –, feito com ravioli recheados com carnes, pancetta crocante, sálvia, manteiga e parmesão.

“A comida é sobre fazer as pessoas felizes, este é um restaurante sem peneiras onde os clientes podem vir e sentir valor da comida. Estamos cá para oferecer qualidade acima de tudo”, diz o chef italiano, que esteve quase oito anos na Ásia, dividido entre Xangai, Tóquio — aqui com o estrelado Luca Fantin — e Hong Kong, onde ganhou uma estrela Michelin à frente do restaurante Octavium em 2019.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

bt nl

2050.Briefing

O Outdoor Honesto

À Escolha do Consumidor

Edições Especiais

Assinatura Mensal
Edição MensalE-paper

Facebriefing